Mulher deficiente mental brutalmente morta a golpes de facão -PA

TUCURUÍ | 6 homens são presos acusados pelo assassinato brutal de uma mulher deficiente mentalUm morador de Getat acordou durante a madrugada com um estranho barulho na frente de sua casa. Ao sair, viu somente os homens correndo e um corpo de uma mulher já desfalecido totalmente ensanguentado. De pronto o mesmo acionou a polícia militar.A vítima se chamava Alessandra, vulgo Perereca. A mesma tinha problemas mentais e vivia perambulando pelas ruas do Getat. A polícia militar montou operação que localizou e prendeu todos envolvidos no crime brutal, inclusive dois deles teriam confessado terem também assassinado a jovem Geovana no cais da cidade há alguns dias atrás.Todos foram levados para delegacia para procedimentos.Gazeta do Pará

Deixe uma resposta